O Jogo Interior de Tênis

Livro do Mês - Janeiro de 2005

Capa do Livro

Golfinho vem de publicar um artigo bastante interessante, "Usando a PNL para permitir a mudança da memória muscular, de indesejada para proveitosa, nos atletas", de autoria de Anne Peacock, terapeuta britânica, master em PNL. No artigo há uma pressuposição muito importante para o processo de mudança, de que a memória utiliza mais do que um sistema representacional, inclusive na "memória muscular", que pode ser ressignificada, como tantas outras coisas em nossa vida. Vale a pena ler o artigo.

As interessantes premissas do artigo acima têm relação com o assunto do Livro do Mês de Golfinho, "O Jogo Interior de Tênis" de autoria de W. Timothy Gallwey, publicado aqui pela Editora Textonovo, de São Paulo.

Livro original da década de 70, quando utilizar a marca PNL poderia gerar necessidade de se pagar "royalty" , o autor produziu uma excelente obra, sem citar nenhuma bibliografia, mas apresentando dezenas de técnicas por ele praticadas quando era tenista, sempre dentro de um esquema pessoal usando à vontade os pressupostos da Programação Neurolinguística, de induções ericksonianas, e suas ferramentas, de uma maneira muito inteligente, ao mencionar, por exemplo, de que "toda partida de que participamos é composta de duas partes, um jogo exterior e outro interior".

Fazendo da modelagem, da ressignificação, da visualização, da concentração, peças fundamentais para se atingir criativamente determinados objetivos, Gallwey disponibiliza dezenas de técnicas, bastante eficazes para o leitor melhorar sua habilidade no tênis e na vida. Uma delas, que dependendo do ângulo poder-se-ia denominar de "submodalidade", ou de "mantra", é acompanhar, mais que ver e ouvir, o som da bola quicando na quadra. O tenista irá modificando suas ansiedades, irá mexendo no diálogo interior, ingressará num estado de concentração, de atenção criativa, relaxada.

Trabalhando autoestima, autoconfiança, coragem, concentração, novas maneiras de ver, ouvir e sentir, criatividade, flexibilidade, espiritualidade, o leitor, tenista ou não, irá se fortalecer psicologicamente, adquirindo capacidades para vencer desafios que se lhe apresentarem, na vida e na quadra.

A obra possui 190 páginas e 10 capítulos.

E sua tese fundamental é de que todos os jogos se compõem de suas partes: um jogo exterior e um jogo interior. E é o Jogo Interior que mexe nos hábitos mentais "que inibem a excelência do desempenho". É o Jogo Interior que vai permitir você aprender a aprender como utilizar a raquete, "posicionar os braços, as pernas ou o tronco para alcançar os melhores resultados".

Excelente obra, que os não praticantes de tênis ou de qualquer outro tipo de esporte poderão ler como uma bela metáfora de integração do corpo/mente diante dos jogos da vida.

João Nicolau Carvalho professor universitário, Trainer em PNL, Coach certificado

Para comprar: Amazon
Página do livro: O Jogo Interior de Tênis