Assuma o controle das suas crenças inconscientes:
dê a si mesmo uma mente rica

Merilee Dannemann

Quanto dinheiro é o suficiente?

Essa é uma pergunta que muitos já se fizeram.

Entretanto, antes que você possa realmente respondê-la, tem que primeiro acrescentar algumas palavras à pergunta em si, para elucidar "o suficiente para quê?"

Tente a seguinte redação, e veja se ela funciona para você: "Quanto dinheiro é suficiente para me sustentar no estilo de vida que eu gostaria de viver e me sentir da maneira que gostaria de me sentir sobre mim mesmo?" Assim a pergunta fica mais fácil de responder?

A questão não é de modo nenhum só sobre dinheiro, mas sobre as suas metas, desejos e sonhos. Se você não tem dinheiro suficiente para satisfazer suas metas, desejos e sonhos, algo está impedindo você de tê-lo.

O campo da Programação Neurolinguística, também conhecido como PNL, ensina técnicas para se fazer perguntas simples e poderosas. Pergunte a si mesmo: "Se eu não tenho dinheiro suficiente, o que me paralisa?" Essa pergunta pode provocar uma avalanche de medos, dúvidas, emoções e conflitos.

Aqui estão alguns dos medos que são comuns sobre dinheiro e riqueza: "Eu não tenho dinheiro suficiente porque secretamente receio que eu não mereça." "Eu não tenho dinheiro suficiente porque tenho medo de tentar e fracassar." "Eu tenho medo de como isso irá mudar a minha personalidade." "Se eu ficar rico, meus amigos não vão gostar mais de mim." "Riqueza é imoral porque riqueza para um significa pobreza para outro." De acordo com os especialistas em PNL, Tim e Kris Hallbom, essas e muitas outras afirmações negativas podem ser classificadas como "crenças limitantes". Se você tem uma crença limitante como uma das mencionadas acima, mesmo num nível profundamente inconsciente, ela pode estar impedindo que você alcance a prosperidade e o sucesso com o qual você sonha.

Os Hallbom, grupo de inovadores e trainers de PNL conhecidos mundialmente, têm desenvolvido novos programas para ajudar as pessoas a superarem crenças limitantes. Através de anos de estudo, prática e colaboração, eles desenvolveram um processo chamado de Mudança de Crença, para ajudar as pessoas a descobrir, e depois superar, as crenças limitantes que afetam suas vidas. Ao seguir esse processo, os participantes são capazes de procurar dentro de suas próprias mentes e descobrir as crenças limitantes, muitas vezes mantidas fora da consciência, que as impedem de obter o que elas querem na vida. Em seguida, eles serão capazes de remover as crenças limitantes e substituí-las por crenças novas e fortalecedoras.

Recentemente, os Hallbom desenvolveram um programa de treinamento que usa esse Processo de Mudança de Crenças especificamente para assuntos de dinheiro e riqueza. É chamado de Clínica do Dinheiro da Mente Rica (The WealthyMind™ Money Clinic).

Imagine por um momento que você vai acordar amanhã pensando em algo como: "Eu gostaria de mais prosperidade. Se eu tiver dinheiro em abundância, vou usá-lo com mais sabedoria para me beneficiar e a outros. Eu sou uma boa pessoa e mereço o sucesso financeiro. Eu posso fazer isso acontecer. Eu posso continuar a aprender enquanto eu prossigo. Se eu tentar algo e não funcionar, eu posso aprender com isso e continuar a fazer melhor. Eu vou aproveitar os desafios do dia a dia enquanto me esforço para alcançar a minha meta."

Uma pessoa com crenças como essas é impossível de ser parada, você não concorda? Esta pessoa pode ser você?

Imagine como a sua vida pode mudar se você tiver crenças tão poderosas como essas.

De imediato, você começaria a perceber coisas aqui e ali que sustentam a sua crença. Você pode se descobrir mudando a linguagem dos seus pensamentos. Talvez você descubra que não está mais usando o termo "eu não posso." Ao invés disso, está dizendo "eu gostaria de saber se eu posso," e depois essa frase evolui de novo para "eu quero saber como eu posso".

Porque você acredita que pode alcançar a sua meta – mesmo se não sabe como – pode começar a prestar atenção nas informações que o mundo ao seu redor lhe fornece e que apoiam a sua intenção. Você pode se descobrir ouvindo com novo interesse a pessoas que antes você não percebia, e sendo atraído para grupos ou atividades alinhadas com suas metas. Ao mesmo tempo, pode estar menos atraído por atividades que o tiram do seu caminho ou que causam procrastinação. Todas essas mudanças o movem em direção a alcançar sua meta.

Mas existe um truque, e é um dos grandes. Você não irá desenvolver crenças fortalecedoras como essas apenas decidindo que você quer.

A decisão consciente sobre o que você quer acreditar não é suficiente. Para que uma crença realmente sirva para você, ela tem que ser algo que soe verdadeiro em qualquer nível, consciente ou inconsciente, até a medula.

Infelizmente, a mente humana é surpreendentemente capaz de se confundir e sabotar o seu próprio bem mais elevado. Pensamentos e ideias embutidas na nossa mente subconsciente, muitas vezes vindas da mais precoce infância, podem interferir com nossos desejos conscientes. Se nós tentarmos colar uma cara feliz em cima de um sentimento de medo ou de desamparo no fundo do coração, isso pode criar um conflito interior inteiramente novo e, na realidade, tornar a questão pior.

Tim Hallbom explica:

"Suponha que quando você era uma criança pequena, ouviu seus pais falando e dizendo coisas como: "Pessoas ricas não vão para o céu" ou censuraram seu mau comportamento e disseram que você não merecia ser recompensado. Esta crença está entranhada no seu senso de si mesmo, e você não vai se livrar dela ignorando-a."

"Autoestima é um assunto muito comum em crenças sobre dinheiro," continua Tim. "Outra crença comum é aquela que pessoas ricas não são boas, então se você ficar rico, irá se transformar em alguém que realmente não quer ser. Para algumas pessoas é uma questão de traição familiar: se meus pais e meus avôs eram pobres, ao ficar rico estou rejeitando minha própria família."

Crenças como essas se escondem profundamente em nossas mentes, onde tendemos a não trazê-las à luz. Enquanto não forem expressas em voz alta, nem articuladas conscientemente, elas não podem ser confrontadas nem mudadas.

É fácil de ver como uma crença limitante, corroendo sempre num nível inconsciente, pode interferir na capacidade de um individuo assumir um desafio como criar riqueza.

O trabalho dos Hallbom sobre crenças incorpora técnicas que tratam dessa preocupação. Através de extensivas pesquisas, treinamento e testes, em colaboração com outros grandes líderes do campo da PNL, eles desenvolveram técnicas para superar essas limitações.

"O que nós chamamos de Processo de Mudança de Crenças é uma série de etapas," diz Kris Hallbom. "Primeiro, nós expomos a crença limitante a fim de que ela seja expressa explicitamente. Depois, nós desmontamos a crença de um modo tal que é praticamente impossível para ela se reconstruir. Finalmente, nós a substituímos por uma nova crença fortalecedora. A nova crença será gerada pela própria pessoa, de modo que ela se ajuste completa e naturalmente com a visão de mundo e valores desta pessoa."

Em muitos casos, as etapas podem ser efetuadas numa única sessão. A sessão assume a forma de uma entrevista altamente estruturada. O Practitioner ou o facilitador usa inúmeras técnicas linguísticas para conduzir a pessoa através das etapas. Essas técnicas são ensinadas nos seminários da Mente Rica (Wealthy Mind™) pelos Hallbom no mundo inteiro.

O que significa desmontar uma crença? Em termos gerais, isso significa acrescentar uma nova informação ou evidência, de um modo que não é mais possível continuar a ter a crença velha. Como exemplo, considere uma pessoa que acredita que o único caminho para permanecer fiel à herança de pobreza e esforço da sua família é permanecer pobre e se esforçando. Quando a crença escondida é exposta, é possível notar que todos aqueles sacrificados e esforçados membros da família fizeram o que fizeram porque queriam dar de presente uma vida mais confortável aos seus filhos e netos. É possível dizer que ficar rico não desonra a memória deles, mas cumpre a missão deles; de fato, permanecer pobre seria uma coisa desonrosa. Também é possível dizer que a herança de família se refere ao futuro bem como ao passado, e perguntar ao participante o que ele quer para seus filhos e netos. Qual ideia funciona, irá sempre depender do indivíduo específico – mas você pode imaginar como alguns indivíduos podem reagir a estas ideias ao mudar imediatamente as suas crenças sobre riqueza. Os novos insights podem tornar literalmente impossível a volta para a velha crença.

Que tal as crenças fortalecedoras? Quais são as características de uma dessas crenças? Para responder essa pergunta, os Hallbom contaram com a valiosa base da sabedoria que forma o campo da PNL. Tendo estudado a estrutura das crenças que conduzem para os resultados bem-sucedidos na vida, eles aprenderam que certos elementos chaves devem estar presentes para guiar o comportamento na direção desejada.

Três elementos devem estar presentes – declarados ou implícitos – numa crença bem formulada sobre riqueza ou sucesso.

Estes elementos são:

1. Ela é possível.

2. Eu sou capaz.

3. Eu mereço.

"Ela é possível." Em uma crença fortalecedora, está assumido que, dentro do mundo, ela é possível para a realização da sua meta. Pode alguém fazer o que você quer fazer? Alguém já fez isto? Se duvidar disso, pode procurar evidências entre os seus conhecidos ou ler biografias de pessoas que realizaram essa meta.

"Eu sou capaz." Uma crença fortalecedora sugere que você tem capacidades e pode usá-las. No inicio de uma nova aventura você pode não saber o que irá ser exigido que você faça. Pode não saber se será capaz de fazer tudo. Uma crença bem formulada pode conter a ideia que se você não pode fazer algo hoje, pode aprender amanhã, ou conseguir ajuda, ou achar outra maneira de fazer isso. Tal crença irá ajudá-lo a encarar o desafio com confiança.

"Eu mereço isso." Você acredita que merece? Se tiver dúvidas sobre a sua autoestima, o processo de mudança de crenças pode ajudá-lo a esclarecê-las e também permite que você encontre dentro de si mesmo um novo nível de afirmação do seu valor para você mesmo e os outros.

Além de conter esses três elementos, uma crença fortalecedora deve ser uma que pareça, soe e seja considerada correta para você e unicamente você. Ela deve ser expressa num vocabulário que combine com você. Ela deve ser alinhada com suas outras crenças e valores e com o resultado que você deseja. Isso é especialmente importante em assuntos relacionados ao dinheiro, já que é muito comum haver conflitos ou sensibilidades. A crença também deve lhe proporcionar um senso de motivação. Enquanto você passa pelo processo Mente Rica para desenvolver essa crença, somente você pode julgar se a afirmação que está construindo está mesmo correta ou se necessita mais refinamento. A função do guia é conduzir e ajudá-lo.

"Ao final desse processo," diz Kris, "você irá descobrir uma conexão mais forte com as metas que já estão no seu coração e um novo vigor e entusiasmo para alcançá-las. É isto que nós queremos para você. O nosso próprio objetivo é usar as nossas habilidades e o nosso conhecimento de PNL para liberar o potencial humano. Prosperidade é parte desta liberação."

"Hoje as pessoas estão ansiosas para viver suas vidas com mais autenticidade, mais fortalecidas," diz Tim. "Nós não estamos mais dispostos a aceitar relacionamentos insatisfatórios, corpos sem saúde ou experiências desagradáveis. Ao contrario, nós desejamos vidas no mais alto nível de satisfação. Para este fim, nossa missão é ajudar a desfazer as influências de crenças e de hábitos velhos ao criar novas crenças que conduzam a felicidade, prosperidade e saúde."

O artigo original em inglês "Take Charge of Your Unconcious Beliefs: Give Yourself a Wealthy Mind" encontra-se no site NLP Institute of California

Tradução JVF, direitos da tradução reservados.
Estamos utilizando as mudanças ortográficas nos artigos novos.