Volta à página inicial

18 anos
13.219.467
visitantes únicos, veja...

RSS (Really Simple Syndication) RSS (Really Simple Syndication) Golfinho - o portal da PNL no Brasil
www.pnlbrasil.com.br    www.golfinho.com.br    www.pnl-golfinho.com.br

O que é PNL
Definição, livros e artigos para iniciantes

    Inicial
    Artigos PNL
    Livros PNL
    Cursos PNL
    Centros de PNL
    Profissionais
    Diversos
    Livros do Mês
    Filmes e PNL
    Exercícios
    * Divulgar
    Links
    PNL Escola
    Golfinho
    Impresso
    Golfinhos
    Dicas
    Biografias
    Download
    Congressos
    CDs e DVDs
    Contatos
    Cadastre-se
    Tradução PNL
    Glossário PNL
    Novidades
    Entrevistas
      e Teses

    Pesquisar
A PNL no ambiente médico - Artigo PNL

A PNL no ambiente médico
nas clínicas particulares e no Serviço Nacional de Saúde da Grã Bretanha

Nick Kemp e a dra. Susan Elton explicam como a PNL funciona para a jornalista
Eve Menezes Cunningham

Nick Kemp é um conhecido Trainer de PNL e co-proprietário da Tranceforming NLP. Também é hipnoterapeuta e Terapeuta Provocativo; treinou com Richard Bandler e Frank Farrelly. Aparece regularmente na rádio BBC como Especialista na Cura de Fobia usando a PNL.

Dra. Susan Elton é médica com clínica em Leeds, Inglaterra, e Master Practitioner em PNL. Ela tem muito interesse no controle do abuso de drogas e auxilia nos cursos da Tranceforming NLP.

A dra. Elton diz: "O conjunto de habilidades e de ferramentas da PNL são muito úteis para os médicos e para todos os outros comunicadores, mesmo quando não estiverem usando "especificamente" a PNL como uma abordagem em si mesma. Hoje no âmbito do Serviço Nacional de Saúde da Grã Bretanha (SNS), há uma grande ênfase nos serviços de saúde pública para proporcionar "uma boa saúde" à população como um todo.

"Nos contratos mais recentes de Clínica Geral, o tratamento dado às doenças crônicas é avaliado e remunerado, sendo mensurável pelo uso de parâmetros fornecidos." Ela dá o exemplo dos níveis de hemoglobina glicosilada registrados no controle da população com diabetes.

A dra. Elton diz: "O controle correto está associado a fatores de risco reduzidos para eventos catastróficos, como o derrame, e reduz o nível de doença orgânica terminal no futuro. A medicina baseada em evidências respalda as estratégias terapêuticas e isso foi adotado para dar padrões de tratamento e resultados terapêuticos mais uniformemente distribuídos."

Enquanto a maioria concorda plenamente, a dra. Elton diz que, o desafio está em explicar "essa informação bastante escassa para os indivíduos e persuadi-los a levá-la em conta de uma forma útil. Existe um limite natural de quanto do Produto Nacional Bruto pode ser aplicado no Serviço Nacional de Saúde, nos tratamentos dados, nos hospitais, nos serviços iniciais de assistência e na mão de obra. Como resultado, algumas terapias e serviços são autorizados pelo SNS. Outras terapias e estratégias muito eficazes só estão disponíveis no setor privado para uma população cada vez mais informada e interessada em seu próprio bem-estar."

Segundo a dra. Elton, as pessoas querem saber se podem "viver uma vida ativa, manter o emprego, viajar com as suas famílias ou a trabalho, sentir-se satisfeitas com o seu destino e assumir a responsabilidade pelo bem-estar delas sabendo mais sobre um estilo de vida saudável e fazendo boas escolhas como pais. Essas são questões importantes e relevantes para o indivíduo e não para o público como um todo, e pessoas diferentes sempre querem coisas diferentes."

A boa notícia é que as habilidades de comunicação fazem parte do currículo da escola médica. A dra. Elton diz: "O conselho correto mal dado cai em ouvidos surdos. O setor empresarial e educacional também reconhece isso progressivamente. Há um grande papel para a PNL sempre que o resultado do desempenho puder ser melhorado utilizando estratégias eficazes de comunicação."

A dra. Elton reconhece os benefícios da PNL quando a pessoa fala consigo mesmo e tudo melhora, desde "o levantar de manhã, o controle do tempo, o desempenho do seu trabalho e permanecer em um estado útil e eficaz durante todo o dia." Ela também acha que os benefícios são úteis "nas reuniões de negócios, interagindo com os funcionários e os colegas, bem como em um cenário terapêutico."

A expectativa dos pacientes está crescendo e a PNL ajuda os médicos a usarem de forma mais eficaz o tempo limitado disponível para cada paciente. A dra. Elton diz: "O conjunto de habilidades da PNL é muito valioso, mesmo sem o uso específico dos exercícios ou das intervenções da PNL. Muitas vezes, os pacientes querem ser ouvidos e precisam ser ouvidos. Há muitas maneiras de se conseguir isso. Tenho obtido um feedback extremamente positivo dos pacientes por ter melhorado as minhas próprias habilidades de comunicação utilizando essas ferramentas. "

Quando os pacientes têm problemas com abuso de drogas, diz a dra. Elton, o manejo com a PNL "oferece enormes oportunidades para motivar as pessoas viciadas a mudarem suas vidas e voltarem para a comunidade de suas famílias e filhos. É amplamente reconhecido que a dependência física é apenas uma parte da história. Os elementos psicológicos são relativos a múltiplos fatores e de longo alcance. Aqui as habilidades de comunicação, que podem ser reforçadas pelo aprendizado do conjunto de habilidades da PNL, podem desempenhar um grande papel: ganhar confiança, ajudar no empenho e na contínua obrigação com os serviços, comparecer na hora marcada e sujeitar-se à terapia."

Para esses pacientes, definir resultados bem formulados pode iniciar o planejamento para continuar a viver e, eventualmente, ficar livre das drogas e do álcool. A dra. Elton considera que qualquer um que trabalhe nessa área sem habilidades de comunicação efetivas está desapontando a sociedade como um todo, bem como a esses pacientes.

Ela diz: "o aspecto linguístico da PNL é especialmente poderoso para dar aos terapeutas e aos practitioners uma visão mais ampla sobre os problemas do paciente e na eliciação de informações valiosas necessárias para uma melhor avaliação das condições particulares. Aqueles com problemas de abuso de drogas podem, muitas vezes, ter uma visão extremamente negativa da vida, uma autoimagem medíocre e ao alcançar mesmo pequenas coisas pode ser opressivo.

Fazer amizades verdadeiras e estabelecer uma rede de apoio livre de drogas pode ser um enorme obstáculo. Ajudar alguém que quer mudar radicalmente a sua vida, mas ainda não sabe como conseguir isso, e ajudá-lo a realmente alcançar a autorresponsabilidade, a automotivação, um futuro positivo, é extremamente gratificante para o próprio cliente, a sua família e filhos.

O Serviço Nacional de Saúde tem limitações específicas, e os serviços de saúde mental têm, tradicionalmente, recebido poucos recursos financeiros e limitados apenas àqueles com o mais extremo dos problemas. Isso significa que uma enorme quantidade de doenças são deixadas aos cuidados dos serviços de atendimento básico, dos grupos de autoajuda e das organizações voluntárias. Para muitas pessoas, a angústia individual delas não é atendida, caindo nas lacunas do fornecimento do serviço.

Para aqueles afortunados o suficiente por serem capazes de bancar e acessar os serviços específicos de alguém trabalhando como practitioner qualificado de PNL, condições tais como medos e fobias, ansiedade e ataques de pânico, abandono do fumo, controle da raiva, certos distúrbios e vícios alimentares podem ser tratados com sucesso e de uma maneira simples. Muitas vezes, em um número mínimo de sessões."

Nick Kemp diz: "Tenho tido muito sucesso com clientes que tiveram problemas com várias formas de dependência. Um dos mais memoráveis foi um cliente de 19 anos que tinha o vício do álcool - ele freqüentemente bebia a ponto de perder a consciência. Isso fez com que ele muitas vezes acordasse em uma cela da polícia. Quando eu o encontrei, ele já assistia às reuniões do AA, tinha ajuda para o abuso de drogas e extensivo aconselhamento. Em resumo, ele já tinha ouvido quase tudo sobre os perigos da bebida e como isso poderia arruinar a sua vida."

Depois que Nick o ajudou, a mãe do jovem escreveu um surpreendente email resumindo a transformação do seu filho. Nick exige que seus clientes preencham um questionário antes de conhecê-lo. Isso o ajuda a descobrir o que eles querem com a sessão, como irão reconhecer aquilo que já foi alcançado, o que até hoje os impediu de mudar e como a vida será diferente quando o problema for tratado. Nick diz: "Eu também gravo cada sessão em áudio e dou uma cópia em CD no final da sessão para o cliente ouvir durante os próximos sete dias. Dessa forma, eu posso criar, durante a sessão, uma ponte ao futuro para as minhas sugestões, incluindo frases como ‘quando você ouvir isso de novo, perceba o que mudou.’"

Muitos dos clientes do Nick querem ajuda para as suas fobias. Embora ele também ajude as pessoas com desordem obsessiva compulsiva, problemas de raiva, distúrbios alimentares, vícios e ataques de pânico, ele se tornou muito conhecido como especialista na cura de fobias. Ele diz: "Em 2006, fui convidado pela rádio BBC para trabalhar numa base semanal com 26 voluntários portadores de várias fobias diferentes. Todos foram curados em menos de uma hora utilizando várias combinações dos clássicos da PNL: cura rápida de fobia e Terapia Provocativa."

Como alguns de seus clientes tiveram suas fobias por mais de 50 anos, Nick sente que isso é "um excelente exemplo do poder das ferramentas da PNL em uma situação ao vivo. Realmente estimula a mente saber que, em menos de uma hora depois de conhecer a pessoa, eu estava indo ao vivo no ar para receber chamadas com o cliente relatando como a PNL tinha ajudado a resolver a sua fobia."

Nick faz parte da comunidade internacional "fique saudável." Ele diz: "Os clientes, muitas vezes, chegam com a idéia inútil de que eles têm uma condição permanente, que eles geralmente rotularam como 'transtorno alimentar’, depressão ou outros rótulos. Muitos clientes também já tentaram inúmeras outras abordagens sem sucesso. Uma grande vantagem ao usar a PNL é que essa abordagem se foca no que o cliente quer ser, ao invés de retornar repetidas vezes ao "problema". Meu bom amigo Frank Farrelly, cujo trabalho e estilo foi modelado por Bandler e Grinder durante a criação do PNL, chama essa abordagem de ‘escavação arqueológica’."

O dr. Elton diz: "Quando se trabalha com clientes, existe uma enorme responsabilidade em se usar o que funciona melhor, de forma eficaz e responsável, para melhor servir os interesses de todos os participantes. Não fazer isso pode ser desastroso. A melhor maneira de ser mais eficaz como practitioner é treinar bem, concordar com um desenvolvimento profissional contínuo, prestar contas a uma entidade profissional e trabalhar em um local apropriado com seguro adequado."

Nick espera que os institutos de treinamentos venham a "produzir practitioners autorresponsáveis e que possam demonstrar resultados de modo que a PNL se torne, de forma progressiva, uma adição conveniente às abordagens médicas e psicológicas existentes. Eu constatei que a PNL é um extraordinário conjunto de ferramentas para lidar com um grande número de condições diferentes que muitas vezes pode obter sucesso onde os métodos mais tradicionais não podem."

Com tantos pacientes se sentindo desatendidos e desamparados quando vão a um médico, a idéia de clínicos gerais sendo treinados em PNL parece muito positivo.

O artigo original "NLP in a clinical setting" encontra-se no site de Nick Kemp

Tradução JVF, direitos da tradução reservados.

Sociedade Brasileira de PNL
Actius, consultoria, Desenvolvimento e Liderança
INAp
PAHC
CDP - Leoclides Marcon
INEXH
Instituto de Thalentos
Sociedade Internacional de PNL by Claudio Lara
INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO DO POTENCIAL HUMANO
Mundo das Metáforas
Metas e Objetivos
e-mail enviando comentário site do GOLFINHO
Obrigado!
Volte sempre.

volta à página onde você estava volta página inicial
Esta página é produzida e mantida pela Equipe do Golfinho Webdesign
Hospedado por: LOCAWEB

Google Facebook